Vistos para Nômades Digitais em 2022: 11 países que já possuem programa para nômades

Você sabia que alguns países estão criando vistos próprios para nômades digitais?

Na maior parte das vezes, nós nômades, utilizamos o visto de turista para entrar nos países. E, apesar de funcionar e nos permitir uma entrada facilitada, além dos vistos terem um período bem limitado, o fato de nós estarmos trabalhando naqueles países também pode ser um problema.

Por isso, o lançamento de programas de vistos para nômades em vários países é uma opção incrível para nós. Mas como funcionam esses vistos? Quais são os requisitos? Quanto custa? E, principalmente, quais são os países que já estão adotando essa modalidade? Tudo isso eu vou te contar a seguir.

Requisitos para vistos de nômade Digital:

Obviamente que cada país vai definir alguns requisitos específicos e criar as suas próprias regras. Porém, algumas coisas são comuns a qualquer visto de nômade que você for utilizar.

A primeira delas é: você tem que ter uma empresa ou você tem que ter um emprego. Por que isso? Porque você precisa conseguir comprovar por meio de documentos oficiais a sua fonte de renda e o seu rendimento.

Mas, tem uma observação: visto de nômade não é o mesmo que visto de trabalho. Então você pode estar trabalhando para qualquer país remotamente, menos para o país que você vai estar buscando o seu visto de nômade digital. Caso você queira trabalhar com clientes daquele país, o visto de nômade não se encaixa e você precisará de um visto de trabalho.

A segunda coisa que praticamente todos os países vão exigir é que você tenha um seguro saúde.

Além disso, é importante que você saiba que você precisará fazer uma tradução juramentada de todos esses documentos para poder enviar para análise.

Ainda é um processo burocrático e que pode levar alguns meses para ser finalizado, mas é uma forma que nós nômades conseguimos de viajar e ficar mais tempo em cada país.

Em termos de valores, existem algumas opções que são mais acessíveis e outras que já exigem que você tenha um rendimento bem maior (principalmente se formos converter do dólar ou do euro para o real).

Eu separei as principais informações sobre cada um para que você possa ter uma noção daqueles que são ou não viáveis para o seu orçamento nesse momento.

Vistos no Caribe:

No Caribe nós temos programas de vistos para nômades em Anguilla, Antígua, Barbados, Bermuda e Ilhas Cayman. São 5 ilhas que ficam no Caribe e se você curte praia, verão e calor, eu consideraria um desses lugares!

Anguilla: Work from Anguilla

Tempo: Por até 1 ano

Custo: $2.000 a $3.000

Requisitos: Não precisa comprovar renda

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://escape.ivisitanguilla.com/work-from-anguilla/

Antígua: Nomad Digital Residence

Tempo: Por até 2 anos

Custo: $1500 a $3000

Requisitos: Renda de $50.000/ano

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://antiguanomadresidence.com/

Barbados: Barbados Welcome Stamp

Tempo: Por até 1 ano

Custo: $2.000

Requisitos: Renda de $50.000/ano

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://barbadoswelcomestamp.bb/

Bermuda: Work from Bermuda

Tempo: Por até 1 ano

Custo: $263

Requisitos: Não precisa comprovar renda

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://www.gotobermuda.com/workfrombermuda

Ilhas Cayman: Global Citizen Certificate

Tempo: Por até 2 anos

Custo: $1.469

Requisitos: Renda de $100.000 (uma pessoa) a $150.000/ano (casal, família)

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://www.visitcaymanislands.com/en-us/global-citizen-concierge

Vistos na Europa:

Já na Europa, os países que possuem vistos próprios para nômades digitais são: Croácia, Estônia, Geórgia e Islândia.

Croácia: Temporary Stay for Digital Nomads

Tempo: 6 meses ou 1 ano

Custo: €100

Requisitos: Renda de €2.500/mês

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Esse visto, ao contrário dos outros, você só pode aplicar estando na Croácia. Então você pode ir para lá com visto de turista e depois solicitar o visto nômade para estender a sua estadia.

Confira mais informações no link: https://mup.gov.hr/aliens-281621/stay-and-work/temporary-stay-of-digital-nomads/286833

Estônia: Digital Nomad Visa

Tempo: 6 meses ou 1 ano

Custo: €80 a €100

Requisitos: Renda de €3.504/mês

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

O processo obrigatoriamente precisa ser feito de uma embaixada da Estônia de algum país.

Confira mais informações no link: https://www.e-resident.gov.ee/nomadvisa/

Islândia: Remote Work Long Term

Tempo: Por até 6 meses

Custo: $65

Requisitos: Renda de $100.000/ano

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://work.iceland.is/working/icelands-remote-work-long-term-visa

Vistos na Asia

Georgia: Work from Georgia

Tempo: Por até 1 ano

Custo: ZERO

Requisitos: Renda de $2.000/mês

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://georgia.travel/en_US/article/remotely-from-georgia

Dubai: Work Remote Visa

É importante ressaltar que esse visto é somente para Dubai e não para todo os Emirados Árabes. Ele é um visto bem burocrático, mas que eu consegui a aprovação.

Tempo: Por até 1 ano

Custo: $611

Requisitos: Renda de $5.000/mês

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

Confira mais informações no link: https://www.visitdubai.com/en/business-in-dubai/travel-to-dubai/visas-and-entry/work-remotely-from-dubai

E se você quiser saber mais detalhes sobre como eu fiz para conseguir e quais as vantagens desse visto, assista ao meu vídeo do YouTube que eu explico tudo do início ao fim!

Visto na África:

Na África nós temos a Ilhas Maurício, uma ilha paradisíaca, com areia branquinha e água azul, na costa africana. E esse provavelmente é o visto mais acessível e mais fácil de conseguir para nômades digitais.

Ilhas Maurício: Premium Visa

Tempo: Por até 1 ano

Custo: ZERO

Requisitos: Não precisa comprovar renda

Empresa ou emprego remoto

Seguro Saúde

O único requisito é que você reserve uma estadia e comprove que você vai ficar lá por esse período de tempo.

Confira mais informações no link: https://www.edbmauritius.org/premium-visa

Outros tipos de vistos:

Esses são os 11 vistos que já existem para nômades digitais em 2022! Porém, vários outros países têm mostrado um movimento para aderir a esse modelo de vistos. Então cada vez mais vão surgir opções para quem pensa em seguir o nomadismo.

Além disso, existem outros países que tem opções para freelancers e empreendedores, onde os nômades também podem se encaixar. Alguns exemplos são a Costa Rica, que possui visto para quem trabalha remotamente, A República Tcheca que possui visto para freelancers e Alemanha e Portugal que possuem vistos para empreendedores.

Se você quiser saber mais sobre cada um desses vistos, eu explico melhor nesse vídeo do meu canal do YouTube:

Eu posso te ajudar!

Que tal fazer parte do Clube dos Nômades Digitais, aprender todos os segredos, fazer parte de uma comunidade, ter acesso a ferramentas, hacks, lives e ainda ganhar uma camiseta?

Posted in nomadismo digital, VistosTags: